Mais de 70 mil pessoas marcaram presença no Outubro Rosa Mulher Com Vida, em Curitiba

 

O maior evento do Outubro Rosa, Mulher ComVida do Brasil foi registrado em Curitiba (PR), no domingo 25 de outubro. Mais de 70 mil pessoas (segundo o jornal Gazeta do Povo), participaram das diversas ações de cidadania, prevenção do câncer de mama; feira de empregos, sorteios de prêmios e atrações musicais, realizadas na rua XV de novembro e na praça Osório, no centro da capital paranaense. A promoção foi da UGT-PARANÁ e suas entidades filiadas.

Desde às 9 horas um grande número de trabalhadores em encontrar emprego se aglomeraram frente à unidade móvel do SINE-Paraná e nas barracas de empresas de recursos humanos que disponibilizaram vagas de trabalho. Nas tendas da Secretaria Estadual da Saúde foram disponibilizados diversos exames de DST-Aids e hepatite; no espaço do Coren-Conselho Regional de Enfermagem do Paraná, acadêmicos de enfermagem voluntários ministraram palestras e ensinamentos na prevenção e auto-análise do câncer de mama; a Secretaria Municipal da Mulher, da prefeitura de Curitiba, levou sua unidade móvel para promover campanhas de denúncia de violência às mulheres; e o Provopar Estadual fez a troca de alimentos por cupons, para o sorteio de diversos prêmios, entre eles dois carros e cinco moto zero quilômetro. Durante a tarde atrações musicais regionais, e a dupla nacionalmente consagrada, Marcos e Beluttti alegraram a população, que ficou até o fim do evento, mesmo sob uma leve chuva que refrescou o início da noite curitibana.

“Sem dúvidas a UGT-PARANÁ mostra, na prática, seu conceito de sindicalismo cidadão, ao promover oOutubro Rosa-Mulher ComVida em Curitiba, com esse dia todo dedicado às mulheres e o incansável combate ao câncer de mama”, disse emocionado o presidente da UGT-PARANÁ, Paulo Rossi. Ao abrir o evento, Rossi destacou o empenho e dedicação de todas as entidades filiadas que não mediram esforços para a realização doOutubro Rosa-Mulher ComVida: “a UGT-PARANÁ agradece a todos esses companheiros e companheiras que solidarizaram-se a essa iniciativa de cidadania, e que hoje aqui estão, trabalhando voluntariamente para atender a essa grande multidão que tomou conta dessa verdadeira ‘rua da cidadania do Outubro Rosa’. O dirigente da UGT agradeceu ainda a todos os órgãos públicos, secretarias de governo do município e do estado, aos apoiadores e patrocinadores que viabilizaram a realização do Outubro Rosa Mulher ComVida.”Quero destacar a presidente do Provopar Estadual, a querida Carlise Kwiatkowkski, que desde o início vem nos acompanhado na organização desse dia”, disse o dirigente.

A vice-governadora do Estado do Paraná, Cida Borghetti (PROS), emocionou o público ao falar sobre o câncer de mama e sua incansável luta em promover ações preventivas. “Quero, primeiramente, agradecer de coração à União Geral dos Trabalhadores, que está realizando esse magnífico trabalho nesse dia tão especial para Curitiba e no Paraná. Sem dúvidas esse é o maio evento do Outubro Rosa já realizado em todo Brasil. É importante que cada um de vocês aqui presente, leve para casa, para o trabalho, nas conversas com amigas e amigos, a necessidade da prevenção do câncer de mama. Precisamos conscientizar o maior número possível de pessoas e ações como essa, promovida pela UGT, é um dos grandes alicerces de nossas campanhas”, destacou a governadora. Cida Borghetti é a autora da Lei estadual que criou o Dia Estadual de Luta do Câncer de Mama e que serviu de referência para a criação dessa data nacionalmente.

O presidente do Siemaco, Sindicato dos Trabalhadores em Asseio e Conservação de Curitiba, Manassés Oliveira e o presidente do Sintec-PR, Sindicato dos Técnicos Industriais do Estado do Paraná, Solomar Rochemback (ambas entidades filiadas à UGT), apresentaram o evento juntamente com Paulo Rossi, fazendo os sorteios de prêmios e apresentando as atrações artísticas e musicais. Manassés Oliveira enfatizou a participação maciça da população curitibana. “Vemos aqui famílias inteiras, que desde cedo vieram participar desse formidável dia da cidadania paranaense. Agradecemos a todos os integrantes desse grande mutirão da saúde, em especial ao secretário estadual da Saúde, Michele Caputo, que não mediu esforços em trazer para cá essa grande estrutura de atendimento às mulheres, com as diversas campanhas de prevenção do câncer de mama e de outras doenças”, disse Manassés.

Por sua vez o dirigente Solomar Rochemback agradeceu a multidão que esteve presente durante todo dia, manifestando um grande senso de cidadania: “Temos aqui hoje mais de 70 mil pessoas sorrindo, cantando, festejando seus prêmios, e principalmente: engajados nessa linha de frente em defesa da saúde das mulheres”. Rochemback destacou ainda que mesmo com o grande número de pessoas presentes, não foi registrado nenhum incidente. “Isso mais uma vez mostra que os trabalhadores e trabalhadoras que aqui estão, vieram comemorar uma grande festa da cidadania, com muita paz, amor e alegria”.

O líder da Frente Estadual da Saúde e Cidadania, deputado estadual Ney Leprevost (PSD), fez questão de registrar a grandiosidade do evento: “O que vejo aqui hoje é a mostra de que a sociedade organizada pode promover ações de cidadania e de prevenção ao câncer de mama. Está de parabéns a UGT-PARANÁ e todas as pessoas envolvidas nesse magnífico evento em defesa da vida”, disse Ney.

Falando em nome de todas as entidades filiadas à UGT-PARANÁ, o presidente do Sintracoosul-Sindicato dos Trabalhadores em Cooperativas da Região Sul do Paraná, Joel Martins Ribeiro destacou que “a conscientização e o combate ao câncer de mama deve ser feito em todos os dias do ano, em todos os momentos, e que esse Outubro Rosa Mulher ComVida seja celebrado em todos os meses do ano”, concluiu Joel Martins.

Por sua vez o presidente do Seletroar, Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Eletroeletrônicos, Paulo Bastos exaltou o trabalho em equipe de toda a diretoria da UGT-PARANÁ: “ quando o trabalho acontece em união os resultados acontecem de forma brilhante como o registrado hoje”.

Falando em nome da direção nacional da UGT, a dirigente do Siemaco-SP, Márcia Adão, falou de sua surpresa com o enorme público presente e da iniciativa da UGT em promover a saúde das mulheres, “são ações como essa que mostram o quanto estamos no caminho certo na construção de um sindicalismo com cidadania, com ética e principalmente, com inovações. Estão de parabéns todos os dirigentes envolvidos e aos veículos de comunicação que levaram à grande mídia esse importante dia de combate e prevenção ao câncer de mama”, finalizou Márcia.

Mega-evento

Outubro Rosa Mulher ComVida, com a participação de mais de 70 mil pessoas,passou a ser o maior evento público registrado em Curitiba nos últimos anos, e sem dúvidas o maior do Brasil. Com os sorteios de prêmios foram arrecadadas mais de 15 toneladas de alimentos não perecíveis, na ação conjunta com o Provopar Estadual, e que serão destinados às entidades assistenciais. A Secretaria de Estado da Saúde atendeu mais de 500 pessoas com diversos exames e orientação sobre DST/Aids. O Coren-Conselho Regional de Enfermagem promoveu palestras a mais de 700 mulheres e homens sobre câncer de mama; o Sine-Paraná, em conjunto com as empresas de RH ofertaram mais de 2.000 vagas de empregos e a Secretaria Municipal da Mulher distribuiu mais de 5.000 cartilhas da campanha pelo fim da violência contra as mulheres.

“Esses são números expressivos para uma ação de um único dia, envolvendo tantos atores sociais”, lembrou o presidente da UGT-PARANÁ, Paulo Rossi. A organização de todo evento foi feita ao longo de mais de seis meses, com o trabalho direto das entidades filiadas à central, envolvendo mais de 1.500 pessoas que direta ou indiretamente integraram a estrutura montada para o dia 25. Desde trabalhadores nas Secretarias de Estado e do município; integrantes das Ong’s, órgãos profissionais de classe e empresas de recursos humanos; na montagem de palco, técnicos de som, de luz, de músicos e artistas; de profissionais de segurança, de jornalistas, repórteres e técnicos de mídia; profissionais de alimentação e de suporte humano, como bombeiros, médicos e paramédicos; e um grande contingente de voluntários cedidos pelos sindicatos filiados. “A todas essas pessoas, trabalhadores e trabalhadoras, nosso muito obrigado. Temos a certeza de que, com o Outubro Rosa-Mulher ComVida da UGT, termos escrito um dos mais belos capítulos dessa história de luta contra o câncer de mama”, falou Paulo Rossi ao final do dia.

Paulo Rosssi (D), Solomar Rochembach,e Manassés Oliveira conduziram o Outubro Rosa Mulher ComVida da UGT-PARANÁ.

A vice-governadora Cida Borghetti elogiou o trabalho da UGT-PARANÁ e a grande presença de público no evento.

A presidente do Provopar Estadual, Carlise Kwiatkowkski parabenizou a UGT pela iniciativa do Outubro Rosa-Mulher ComVida.

Dr.Joel Martins falou em nome dos sindicatos filiados à UGT.

Representando a direção nacional da UGT, a sindicalista Márcia Adão veio especialmente de São Paulo.

A ação da UGT promoveu a arrecadação de mais de 15 toneladas de alimentos, destinados ao Provopar Estadual.

Desde as 9 horas da manhã formou-se uma grande fila de interessados em se enquadrar em uma das mais de 2.000 vagas de empregos ofertadas pelo Sine e empresas de recursos humanos.

Acadêmicos de enfermagem voluntários atenderam mais de 700 pessoas na tenda do Coren.

Na tenda da Secretaria Estadual de Saúde mais de 500 pessoas fizeram testes de Hepatite, Aids e receberam orientação quanto às doenças sexualmente transmissíveis, as DSTs.

No festival de prêmios, dois carros,e duas motos, todos zero quilômetro, além de tablets e celulares.

 

Post -Andressa Pinheiro - Paranaguá/Paraná

Fonte: UGT- Comunicação Paraná

Por Mario de Gomes

Em 26/10/2015
Fotos: AR/MGS/JR

Secretário de Comunicação UGT-PARANÁ
João Riedlinger